Home Keytrans
 

Notícias

No Butão, a Felicidade Nacional Bruta substitui o Produto Interno Bruto
Por: Não informado - 10/26/2004 - Fonte: OESP - Caderno de Economia

O pequeno reino do Butão, no Himalaia, tem uma referência diferente para avaliar o progresso da população. Em vez de Produto Interno Bruto, o país recorre a outro índice, a Felicidade Nacional Bruta (FNB).

O jornal Japan Times informa, em matéria procedente daquele reino, que a felicidade, e não o capital, é a prioridade oficial do Butão. Em mensagem anual a Assembléia Nacional, o primeiro ministro butanês disse que o governo deve procurar o desenvolvimento sócio-econômico eqüitativo e sustentável e também “preservar e promover os valores culturais, a preservação do meio ambiente e estabelecer a boa governança”.

Quase do tamanho da Suíça, este reino budista com menos de 1 milhão de habitantes é isolado geograficamente e tem sua imagem associada a uma espécie de Shangri-lá. Menos de 6 mil pessoas visitaram o reino no ano passado, a maioria através da Druk Air, uma das menores linhas aéreas do mundo, com uma frota de dois bimotores BAE-146.

O jornal japonês acrescenta que o “Butão está pondo em prática uma filosofia que alguns economistas consideram uma promissora alternativa para o fundamentalismo do mercado. Ela não é muito antidesenvolvimentista, nem antiglobalização, ela é pró-equilíbrio. Segundo um pensador butanês, essa filosofia rejeita os avanços modernos, incluindo a educação e tecnologia, mas avalia como incluir o hambúrger do desenvolvimento moderno no mandala (símbolo de meditação) do país”.

O Butão valoriza as condições de trabalho, as férias, os períodos de lazer, a assistência à criança e o trabalho voluntário.

voltar







Trader One | Missão | Serviços | FAQs | Notícias | Parceiros | Show Room | Cadastro
Visita Comercial | Universitários | Passaporte | Sugestões | Contato | Login

TRADER ONE - Business & Operations Management © 2004
Trader One Keytrans Logística Símbolo Marcas e Patentes